Sala de máquinas da Central Tejo

Sala dos Geradores da Central Tejo

Aproveitando o período de recessão económica que pertubara tanto a Europa como os EUA nos anos 30 do século XX, as CRGE, por intermédio da Société Financière des Transports et d’Entreprises Industrielles (SOFINA, de Bruxelas), numa estratégia de expansão do seu negócio aproveitam as boas condições de preço e adquirem dois novos grupos turboalternadores e substituem entre 1935 e 1936, os primeiros grupos AEG de 8.000 kW por outros de 16.000 kW do mmo fabrivcante, elevando a potência total instalada na Central Tejo para perto de 60 MW. São estes ois grupos que ainda restam do total de cinco geradores que equiparam a sala de máquinas da central.

Fabricante:

AEG

Época de Fabrico:

1921-1936

Parceiro:

Fundação EDP

O que pode ver

  • Sala de máquinas da Central Tejo Sala de máquinas da Central Tejo
  • Grupo turbo-alternador nº 3, AEG Grupo turbo-alternador nº 3, AEG
  • Regulador de velocidade do grupo turboalternador nº 3 Regulador de velocidade do grupo turboalternador nº 3
  • turbina do grupo turboalternador nº 3 turbina do grupo turboalternador nº 3
  • Alternador do grupo nº 3 Alternador do grupo nº 3
  • Excitatriz do grupo turboalternador nº 3 Excitatriz do grupo turboalternador nº 3